Discente: Maria Cristina Vieira Bastos

Título da dissertação: Anáforas encapsuladoras e argumentatividade em notícias

Orientador(a): Leonor Werneck dos Santos.

Ano da defesa: 2018

Páginas: 142

Resumo:

Esta pesquisa tem como objetivo investigar como a referenciação, um dos pilares da nova concepção de texto assumida pela Linguística de Texto, contribui para construção de sentido no gênero textual notícia. Com base na concepção sociocognitiva e interacional da linguagem e de acordo com as pesquisas em referenciação de Koch e Marcuschi (1998), Apothéloz (2001), Mondada e Dubois (2003[1995]), Koch (2002, 2004, 2005, 2006), Cavalcante (2003, 2011, 2014) e Santos (2015), nosso objetivo específico é analisar como o encapsulamento anafórico com núcleo axiológico (CONTE, 2003) pode contribuir para a argumentatividade no texto com vistas a “orientar” o seu sentido, persuadindo o leitor a se engajar no projeto de dizer do enunciador. Para realização desta pesquisa, analisamos notícias publicadas pelas mídias digitais dos jornais O Globo digital e Mídia Ninja, que apresentam posicionamento ideológico e público-alvo distintos. Desse modo, analisamos notícias sobre o impeachment pelo qual passou a primeira mulher presidente da República Federativa do Brasil, Dilma Vana Rousseff, e seus principais desdobramentos, observando como se comportam as anáforas encapsuladoras na construção da argumentatividade no gênero textual notícia nas duas mídias. Os resultados da nossa pesquisa mostram uma maior utilização da estratégia de encapsulamento anafórico com núcleo e/ou modificador axiológico por parte da Mídia Ninja, estabelecendo maior argumentatividade e posicionamento explícito do enunciador acerca dos fatos narrados. Já em O Globo digital, percebemos uma menor utilização da estratégia de encapsulamento anafórico com valor axiológico, provavelmente porque esta mídia tem uma maior preocupação em construir simulacros de imparcialidade, neutralidade e objetividade, com o intuito de persuadir e convencer seu leitor de que seu compromisso é único e exclusivo com a transmissão dos fatos noticiados.

Palavras-chave: Referenciação, anáforas encapsuladoras, argumentatividade, gênero notícia.

Abstract:

This research aims to investigate how the reference, one of the pillars of the new text conception assumed by Text Linguistics, contributes to the construction of meaning in the textual genre news. Based on the sociocognitive and interactional conception of language and according to the researches in Koch and Marcuschi (1998), Apothéloz (2001), Mondada and Dubois (2003), Koch (2002, 2004, 2005, 2006), Cavalcante (2003, 2011, 2014) and Santos (2015), our specific objective is to analyze how anaphoric encapsulation with axiological core (CONTE, 2003) can contribute to the argumentativity of the text in order to "orient" its meaning, persuading the reader to engage in the project of saying the enunciator. In order to carry out this research, we analyzed news published by the digital media of the newspapers O Globo digital and Mídia Ninja, which present different ideology and target audience, about the impeachment by which the first woman president of the Federative Republic of Brazil, Dilma Vana Rousseff, observing how the encapsulating anaphora behaves in the construction of argumentativeness in the news, in both media. The results of our research showed a greater use of the anaphoric encapsulation strategy, with axiological core, by the Mídia Ninja, establishing greater argumentativeness and explicit positioning of the enunciator about the facts narrated. Already in O Globo digital, we perceive less use of the strategy of anaphoric encapsulation with axiological value, e this media has a greater concern in constructing simulacra of impartiality, neutrality and objectivity, probably with the intention of persuading and convincing its reader that its commitment is solely and exclusively with the transmission of the facts reported.

Keywords: Reference, encapsulating anaphora, argumentativity, news genre.

Coordenação

Coordenador: Prof. Dr. Adauri Bastos

Vice-coordenadora: Profa. Dra. Maria Eugenia Lammoglia 

Secretário: Renato Martins e Silva
posvernaculas@letras.ufrj.br

Atendimento

Além de atender por e-mail, a Secretaria do PPGLEV oferece atendimento telefônico e presencial de segunda a quinta-feira, das 13h às 17h, na sala F-319.

Endereço

Programa de Pós-Graduação em Letras  (Letras Vernáculas)
Faculdade de Letras da UFRJ
Av. Horácio de Macedo, 2151
Sala F-319
Cidade Universitária — CEP 21941-917
Rio de Janeiro — RJ