Discente: Louise Bastos Corrêa

Título da tese: Literatura e loucura: Maura Lopes Cançado, Stela do Patrocínio e Rodrigo de Souza Leão

Orientador(a): Rosa Maria de Carvalho Gens

Ano da defesa: 2018

Páginas: 197

Resumo:

A tese apresenta, como tema central de estudo, textos de autores que fazem a possível ponte entre a literatura – no caso, a linguagem literária – com a tão “temida” loucura. Trata-se de investigar como os modos de escrever a loucura aparecem representados em obras publicadas no século XX e XXI. Maura Lopes Cançado, Stela do Patrocínio e Rodrigo de Souza Leão, apresentados nessa ordem por uma questão cronológica, encontraram-se uma situação-limite. A partir de vivências em um espaço de clausura, os autores tornaram possível criar um mecanismo de sobrevivência, ativando uma ligação entre a literatura e a loucura. O ponto por nós denominado de fio invisível da linguagem será o principal objeto dessa investigação. Ora o discurso da loucura se mantém em sua fragmentação delirante, ora pauta-se em símbolos e mitos, ora aponta para elementos da contemporaneidade. De acordo com a proposta, faremos um estudo crítico e comparativo da obra de Maura Lopes Cançado – O sofredor do ver –, Stela do Patrocínio – Reino dos bichos e dos animais é o meu nome –, e Rodrigo de Souza Leão – Todos os cachorros são azuis – mostrando como cada um desenvolveu a própria linguagem e de que maneira fez-se a construção de seus textos.

Abstract:

The thesis presents, as the study central theme, texts of authors who make the possible bridge between literature - in this case, literary language - with the so "feared" madness. It is about investigating how the ways of writing the madness appear represented in published works from the twentieth century to the twenty-first century. Maura Lopes Cançado, Stela do Patrocínio and Rodrigo de Souza Leão, presented in this order for a chronological matter, are found a limit situation. From experiences in an enclosure space, the authors made it possible to create a survival mechanism, activating a link between literature and madness. The point we call the invisible thread of language is going to be the main object of this investigation. Sometimes the discourse of madness remains in its delirious fragmentation, other times it is based on symbols and myths, and other times it points to elements of contemporaneity. According to the proposal, we are going to make a critical and comparative study of the work of Maura Lopes Cançado – O sofredor do ver - Stela do Patrocínio – Reino dos bichos e dos animais é meu nome -, and Rodrigo de Souza Leão – Todos os cachorros são azuis - showing how each one of them developed their own language and how the construction of their texts was done.

Coordenação

Coordenador: Prof. Dr. Adauri Bastos

Vice-coordenadora: Profa. Dra. Maria Eugenia Lammoglia 

Secretário: Renato Martins e Silva
posvernaculas@letras.ufrj.br

Atendimento

Além de atender por e-mail, a Secretaria do PPGLEV oferece atendimento telefônico e presencial de segunda a quinta-feira, das 13h às 17h, na sala F-319.

Endereço

Programa de Pós-Graduação em Letras  (Letras Vernáculas)
Faculdade de Letras da UFRJ
Av. Horácio de Macedo, 2151
Sala F-319
Cidade Universitária — CEP 21941-917
Rio de Janeiro — RJ