Discente: Caroline da Silva Paquieli

Título da dissertação: A aspectualização temporal em textos jornalísticos on-line: uma análise semiótica

Orientador(a): Regina Souza Gomes

Ano da defesa: 2018

Páginas: 198

Resumo:

O presente estudo tem como objetivo tecer, a partir da teoria semiótica de linha francesa, uma análise da aspectualização do tempo em textos jornalísticos sobre a política nacional. Para tanto, examinaremos trinta e duas notícias, veiculadas nos periódicos on-line O Globo e O Dia, durante os meses de dezembro de 2015 e de abril de 2018. Com esse corpus investigamos os procedimentos aspectuais mais reincidentes nos dois períodos, averiguamos o modo como cada jornal apreende o processo temporal dos fatos políticos, observando seus efeitos de sentido, e identificamos as propriedades aspectuais que caracterizam desse tipo de notícia. De acordo com o escopo teórico da semiótica, a aspectualização pode ser entendida como um procedimento do nível discursivo que, a partir do ponto de vista de um observador, avalia como um processo, uma marcha, as categorias de pessoa, de tempo e de espaço (GREIMAS; COURTÉS, 1979, 29). Acolhemos também, na análise, algumas contribuições da semiótica tensiva (ZILBERBERG, 2006; 2011), principalmente ao levar em conta, na percepção do tempo, o acento e as graduações abarcadas pelo sensível. Buscando comprovar a hipótese de que a aspectualização temporal manifesta nas notícias uma orientação argumentativa, demonstramos que a gestão aspectual do tempo, ora alongando a duração das ações políticas, ora abreviando-as, inscrevendo iterações ou rupturas, a imperfectividade ou perfectividade, está relacionada a conteúdos ideológicos, como a manutenção ou a ruptura de um governo, e não é a mesma nos dois periódicos, o que acaba permitindo o reconhecimento de certas particularidades dos discursos de cada jornal.

Palavras-chave: Semiótica; Aspectualização; Tempo; Jornalismo Político on-line; Discurso.

Abstract:

This paper aims to compose an analysis, from the perspective of the Theory of French Semiotics, of the aspectualization of time in journalistic texts about national politics. In order to do so, thirty-two news items, published in the online newspapers “O Globo” and “O Dia” during December 2015 and April 2018, have been analyzed. Having this corpus, we have investigated the most recurrent aspectual procedures within both periods; we have ascertained the way that each newspaper apprehends the temporal process of political facts, observing their meaning effects; and we have identified the aspectual specificities that characterize this kind of news item. According to the theoretical scope of Semiotics, aspectualization can be understood as a procedure of the discursive level in which, from the viewpoint of an observer, evaluates the categories of person, time, and space, as a process, as a march (GREIMAS; COURTÉS, 1979, p. 29). We have also used, in the analysis, some contributions of tensive semiotics (ZILBERBERG, 2006; 2011), especially when taking into account, in the perception of time, the accent and the rankings covered by the sensitive. Seeking to prove the hypothesis that the temporal aspectualization manifests an argumentative orientation in the news items, we have demonstrated that the aspectual management of time, sometimes lengthening the duration of political actions, sometimes shortening them, registering iterations or ruptures, imperfectiveness or perfectivity, is related to ideological contents, such as maintenance or rupture of a government, and is not the same on both newspapers, which allows the recognition of certain particularities of the discourses of each newspaper.

Keywords: Semiotics; Aspectualization; Time; Online Political Journalism; Discourse.

Discente: Caroline da Silva Paquieli

Título da dissertação: A aspectualização temporal em textos jornalísticos on-line: uma análise semiótica

Orientador(a): Regina Souza Gomes

Ano da defesa: 2018

Páginas: 198

Resumo:

O presente estudo tem como objetivo tecer, a partir da teoria semiótica de linha francesa, uma análise da aspectualização do tempo em textos jornalísticos sobre a política nacional. Para tanto, examinaremos trinta e duas notícias, veiculadas nos periódicos on-line O Globo e O Dia, durante os meses de dezembro de 2015 e de abril de 2018. Com esse corpus investigamos os procedimentos aspectuais mais reincidentes nos dois períodos, averiguamos o modo como cada jornal apreende o processo temporal dos fatos políticos, observando seus efeitos de sentido, e identificamos as propriedades aspectuais que caracterizam desse tipo de notícia. De acordo com o escopo teórico da semiótica, a aspectualização pode ser entendida como um procedimento do nível discursivo que, a partir do ponto de vista de um observador, avalia como um processo, uma marcha, as categorias de pessoa, de tempo e de espaço (GREIMAS; COURTÉS, 1979, 29). Acolhemos também, na análise, algumas contribuições da semiótica tensiva (ZILBERBERG, 2006; 2011), principalmente ao levar em conta, na percepção do tempo, o acento e as graduações abarcadas pelo sensível. Buscando comprovar a hipótese de que a aspectualização temporal manifesta nas notícias uma orientação argumentativa, demonstramos que a gestão aspectual do tempo, ora alongando a duração das ações políticas, ora abreviando-as, inscrevendo iterações ou rupturas, a imperfectividade ou perfectividade, está relacionada a conteúdos ideológicos, como a manutenção ou a ruptura de um governo, e não é a mesma nos dois periódicos, o que acaba permitindo o reconhecimento de certas particularidades dos discursos de cada jornal.

Palavras-chave: Semiótica; Aspectualização; Tempo; Jornalismo Político on-line; Discurso.

Abstract:

This paper aims to compose an analysis, from the perspective of the Theory of French Semiotics, of the aspectualization of time in journalistic texts about national politics. In order to do so, thirty-two news items, published in the online newspapers “O Globo” and “O Dia” during December 2015 and April 2018, have been analyzed. Having this corpus, we have investigated the most recurrent aspectual procedures within both periods; we have ascertained the way that each newspaper apprehends the temporal process of political facts, observing their meaning effects; and we have identified the aspectual specificities that characterize this kind of news item. According to the theoretical scope of Semiotics, aspectualization can be understood as a procedure of the discursive level in which, from the viewpoint of an observer, evaluates the categories of person, time, and space, as a process, as a march (GREIMAS; COURTÉS, 1979, p. 29). We have also used, in the analysis, some contributions of tensive semiotics (ZILBERBERG, 2006; 2011), especially when taking into account, in the perception of time, the accent and the rankings covered by the sensitive. Seeking to prove the hypothesis that the temporal aspectualization manifests an argumentative orientation in the news items, we have demonstrated that the aspectual management of time, sometimes lengthening the duration of political actions, sometimes shortening them, registering iterations or ruptures, imperfectiveness or perfectivity, is related to ideological contents, such as maintenance or rupture of a government, and is not the same on both newspapers, which allows the recognition of certain particularities of the discourses of each newspaper.

Keywords: Semiotics; Aspectualization; Time; Online Political Journalism; Discourse.

Discente: Caroline da Silva Paquieli

Título da dissertação: A aspectualização temporal em textos jornalísticos on-line: uma análise semiótica

Orientador(a): Regina Souza Gomes

Ano da defesa: 2018

Páginas: 198

Resumo:

O presente estudo tem como objetivo tecer, a partir da teoria semiótica de linha francesa, uma análise da aspectualização do tempo em textos jornalísticos sobre a política nacional. Para tanto, examinaremos trinta e duas notícias, veiculadas nos periódicos on-line O Globo e O Dia, durante os meses de dezembro de 2015 e de abril de 2018. Com esse corpus investigamos os procedimentos aspectuais mais reincidentes nos dois períodos, averiguamos o modo como cada jornal apreende o processo temporal dos fatos políticos, observando seus efeitos de sentido, e identificamos as propriedades aspectuais que caracterizam desse tipo de notícia. De acordo com o escopo teórico da semiótica, a aspectualização pode ser entendida como um procedimento do nível discursivo que, a partir do ponto de vista de um observador, avalia como um processo, uma marcha, as categorias de pessoa, de tempo e de espaço (GREIMAS; COURTÉS, 1979, 29). Acolhemos também, na análise, algumas contribuições da semiótica tensiva (ZILBERBERG, 2006; 2011), principalmente ao levar em conta, na percepção do tempo, o acento e as graduações abarcadas pelo sensível. Buscando comprovar a hipótese de que a aspectualização temporal manifesta nas notícias uma orientação argumentativa, demonstramos que a gestão aspectual do tempo, ora alongando a duração das ações políticas, ora abreviando-as, inscrevendo iterações ou rupturas, a imperfectividade ou perfectividade, está relacionada a conteúdos ideológicos, como a manutenção ou a ruptura de um governo, e não é a mesma nos dois periódicos, o que acaba permitindo o reconhecimento de certas particularidades dos discursos de cada jornal.

Palavras-chave: Semiótica; Aspectualização; Tempo; Jornalismo Político on-line; Discurso.

Abstract:

This paper aims to compose an analysis, from the perspective of the Theory of French Semiotics, of the aspectualization of time in journalistic texts about national politics. In order to do so, thirty-two news items, published in the online newspapers “O Globo” and “O Dia” during December 2015 and April 2018, have been analyzed. Having this corpus, we have investigated the most recurrent aspectual procedures within both periods; we have ascertained the way that each newspaper apprehends the temporal process of political facts, observing their meaning effects; and we have identified the aspectual specificities that characterize this kind of news item. According to the theoretical scope of Semiotics, aspectualization can be understood as a procedure of the discursive level in which, from the viewpoint of an observer, evaluates the categories of person, time, and space, as a process, as a march (GREIMAS; COURTÉS, 1979, p. 29). We have also used, in the analysis, some contributions of tensive semiotics (ZILBERBERG, 2006; 2011), especially when taking into account, in the perception of time, the accent and the rankings covered by the sensitive. Seeking to prove the hypothesis that the temporal aspectualization manifests an argumentative orientation in the news items, we have demonstrated that the aspectual management of time, sometimes lengthening the duration of political actions, sometimes shortening them, registering iterations or ruptures, imperfectiveness or perfectivity, is related to ideological contents, such as maintenance or rupture of a government, and is not the same on both newspapers, which allows the recognition of certain particularities of the discourses of each newspaper.

Keywords: Semiotics; Aspectualization; Time; Online Political Journalism; Discourse.

Projetos, Núcleos e Laboratórios (es)

Coordenação (es)

Coordenador: Prof. Dr. Adauri Bastos

Vice-coordenadora: Profa. Dra. Maria Eugenia Lammoglia 

Secretário: Renato Martins e Silva
posvernaculas@letras.ufrj.br

Atendimento (es)

Além de atender por e-mail, a Secretaria do PPGLEV oferece atendimento telefônico e presencial de segunda a quinta-feira, das 13h às 17h, na sala F-319.

Endereço (es)

Programa de Pós-Graduação em Letras  (Letras Vernáculas)
Faculdade de Letras da UFRJ
Av. Horácio de Macedo, 2151
Sala F-319
Cidade Universitária — CEP 21941-917
Rio de Janeiro — RJ